sexta-feira, 14 de agosto de 2009

O Tempo

O Tempo

As horas passam, e no meu peito essa dor
É triste a realidade, essa minha saudade
Ninguém me ensinou a dominar a solidão
Ninguém me explicou como tirar você do meu coração

Mas tento seguir meu caminho
Tão solitário e sozinho
O tempo se vai e as horas não passam
O amor já não volta
Pra mim já fechou uma porta

Agora eu sigo em frente, daqui pra frente sozinho
Insensato destino, me tirando o direito
De sanar essa dor que eu trago no peito

Eu vou viver pra esquecer
Lutar pra não sofrer
Minha vida continua
Agora não junto a sua

Agora luto pra tirar você de mim
O difícil é aceitar
Que eu nasci pra te amar


Autor: Rodrigo Santos

Um comentário:

Nice disse...

Nossa e sua lentra é minha cara!!!! Sabe disso né!!!!Te adoro muitão!!!! S2